Autores, leitores e críticas



Olá, meus docinhos! Como estão?

Não sei se vocês lembram de uma postagem que fiz já há algum tempo onde falei sobre críticas e guilty pleasure? Pois voltei para falar novamente sobre críticas, mas dessa vez introduzindo o assunto "novos autores da Literatura Brasileira e seus fãs (e haters -?)". 

Faz alguns meses que eu conheci a plataforma do wattpad e com ela, muitos novos autores que estão buscando entrar no mercado literário. Com o crescimento do site no Brasil, muitos autores conseguiram uma certa fama com seus livros, seja por causa de gêneros específicos, seja pela qualidade das obras (uma coisa não necessariamente exclui a outra, mas muitas vezes não estão juntas). Isso fez também com que pessoas das mais variadas idades e cidades do país mostrassem sua paixão por escrever, ou qualquer coisa que a tivesse motivado no momento.

Com o aumento do número de obras e a popularização dos romances "HOT", novas editoras surgiram e com elas, mais chances de realizar o sonho de publicar seu livro.

Hoje não quero falar sobre qualidade literária, nem mercado x arte, mas sim do modo como esses novos autores e leitores se entendem com críticas.

Como muitas pessoas entraram no mundo da escrita, muitas visões diferentes apareceram junto, porque, claro, ninguém é igual. Porém, há algumas coisas que eu não entendo muito bem: o problema de todo mundo com as críticas.
Autores

Em uma época que tudo que seja "contra" alguém é tomado como "recalque", muitos autores parecem acreditar que críticas negativas são apenas uma picuinha do leitor/resenhista. Claro que receber uma crítica negativa deixa bastante para baixo, e se eu falasse o contrário nem deveria estar escrevendo sobre isso, porém os autores devem aprender a entendê-las e saber se são aceitáveis ou não.

Quando se escreve um livro, não é apenas uma ideia que está no papel, é uma vida, suor, lágrimas... E saber que esse trabalho duro não é tão "perfeito" quanto se imaginava é um verdadeiro baque. Por isso muitas vezes os autores ficam na defensiva, retorquindo com críticas (até mesmo infantis) contra quem não gostou de algo em seu livro. 

Eu, como todos os outros autores, me magoou quando recebo críticas negativas, mas também me alegro quando elas são construtivas. Um personagem não muito bem desenvolvido? Uma descrição demasiadamente lenta ou desnecessária? Diálogos inútes ou erros na trama? Muitas vezes o autor não nota os erros dentro do texto e muitos de seus leitores (a maioria que só comenta "muito bom, gostei") não costumam apontar esse tipo de erro, então para o autor, está tudo ótimo e eles não tem com o que se preocupar. Isso às vezes é reforçado pela editora que muitas vezes se interessa apenas pelo sucesso da obra na internet e não busca ter uma visão mais crítica.

Isso faz com que autores novos nesse mercado, ou pessoas que nunca se deram muito bem com críticas, passem a vê-las totalmente como algo ruim ou errado. Como alguém pode me dizer que tem um erro no meu bebê se 100k pessoas disseram que gostaram e que está perfeito? Essa pessoa deve estar fazendo isso por inveja, recalque, por não saber pelo que eu passei na hora de escrever a obra, não sabe como coloquei vida nos personagens, etc, etc. 

No momento que se recebe uma crítica negativa, as primeiras, segundas, terceiras... O autor deve parar, respirar fundo, reler e pensar: isso me ajuda em algo? Claro que existem críticas que estão lá apenas para jogarem alguém no chão e pisar em cima, ou que apenas representa uma opinião não muito aprofundada ("Não gostei." - ok, uma pena, seja feliz na vida). Mas se tem algo que possa ser útil, o autor TEM que parar e refletir sobre aquilo. Será que isso realmente aconteceu e eu não vi? Será que isso melhoraria meu texto em algo? Acho que ele leu diferente do que eu imaginei; Etc, etc.

Contudo, muitos autores não fazem isso e preferem apenas atacar o leitor, resenhista, blogueiro, como se todos tivessem que gostar ou entender a obra da mesma forma do autor. Não é bem assim, ninguém é igual e não será 100% dos leitores que irão gostar. As pessoas podem entender de um jeito diferente, ou encontrar algo que não ficou tão legal e merece ser repensado (ou não, vai que você queria que fosse assim mesmo, não é?).

Leitores/ fãs

Falando do fundo do meu coração, uma coisa que eu detesto é quando um autor critica a crítica negativa no facebook e aparece uma montoeira de "leitores-fãs" para atacar também a pessoa que não gostou. 

Quando alguém não gosta de algo que amamos, é difícil de aceitar. Mas todo mundo tem o direito de ter sua opinião e não gostar de algo. Não adianta de nada xingar ou criticar uma crítica negativa. Isso se torna uma atitude infantil e só diminui a credibilidade do leitor e autor (sério, imagina um leitor seu chegar e xingar todos os blogueiros que não gostaram de seu livro só porque a pessoa teve uma opinião contrária. O que as pessoas vão pensar das criaturas que leem seus livros?)

Críticas negativas construtivas fazem todo mundo crescer, até os leitores. Se você viu uma crítica negativa, pare, leia, pense se aquela pessoa não viu algo que você não viu. Se mesmo assim você não concordar com a opinião do outro, comente educadamente mostrando porque acha que ele está errado ou porque você não concorda. Todo mundo aprende e cresce juntos! :D

Críticos/ Resenhistas/ Blogueiros/ ...

Outra coisa que tenho que concordar com alguns autores é a falta de tato de quem critica. Não gostou? Tudo bem, mas lembre-se que quem escreveu é um ser humano com sentimentos. Medir as palavras não mata ninguém e ajuda a sua crítica ser melhor aceita.

Mas A. S., os autores têm é que receberem um tapa na cara mesmo, porque a vida é difícil e nem todo mundo vai ter tato. É melhor ele levar um empurrão logo no início que já aprende de uma vez e bla bla bla.

Bem, você brigaria com uma criança quando ela está aprendendo uma palavra e não sabe usá-la direito? (se sua resposta for sim, você é uma pessoa muito má) É a mesma ideia. Os autores irão melhorar com o tempo e a ajuda de todos, não adianta jogá-los de uma vez no chão, porque muitos não terão mais vontade de se erguer e continuar aprendendo.

Haters

Eu nem deveria comentar sobre isso. Mas eles existem. Sempre vai existir alguém que critica por criticar, xinga por xingar. Esse tipo de pessoas? Ignora!



Então é isso, meus docinhos. Não concordam com algo? Ou gostaram da postagem? Comentem ai a opinião de vocês!
Beeeeeijocas e até mais!

0 comentários :

Postar um comentário

Muito obrigada por lerem. Espero que tenham gostado. Então, que tal deixar um comentário com a sua opinião? Acha que ficou alguma coisa confusa? Gostou ou não gostou? É só comentar que eu adorarei ler :)

Se ainda não segue o blog, lembre-se que é bem rapidinho seguir. É só clicar em participar na caixinha de docinhos ali no canto. Siga também nas redes sociais. Beijocas e até mais!