Writing Prompt - Em meus doze anos...

Em meus doze anos eu sempre pensava como seria bom ser adotada. Eu sonhava em viver em uma casa grande, conhecer meus novos pais e sua família. Não que eu não considerasse Arnold e as crianças do orfanato uma família, mas não era a mesma coisa. Queria poder conhecer todos da minha nova família e me sentir bem fazendo parte dela.
Até ultimamente eu me entristeço por ter sido deixada na Terra, mas em termo entendo o que minha mãe pretendia. Sou mãe hoje, entendo que ela só queria o melhor para mim.
Ser mãe… Quando eu era menor pensava que teria umas cinco crianças, hoje estou muito feliz e cansada com minhas três crianças. Não só as crianças, mas me dividir entre o governo e os filhos…
Governar ainda soa engraçado. Logo eu que sempre ria daqueles clichês literários, princesa? Ainda parece uma brincadeira. Não digo que não tenha me acostumado com o meu dever como rainha, nem que queria deixar tudo de lado pela vida pacata em Berlim… Nada disso. Eu amo muito esse mundo que eu sempre deveria chamar de meu.

Já se completam vinte anos desde que voltei. Não sei como reagiria se encontrasse meu eu de doze anos hoje. Acho que apenas diria para continuar caminhando, que tudo daria certo.

0 comentários :

Postar um comentário

Muito obrigada por lerem. Espero que tenham gostado. Então, que tal deixar um comentário com a sua opinião? Acha que ficou alguma coisa confusa? Gostou ou não gostou? É só comentar que eu adorarei ler :)

Se ainda não segue o blog, lembre-se que é bem rapidinho seguir. É só clicar em participar na caixinha de docinhos ali no canto. Siga também nas redes sociais. Beijocas e até mais!